USO DE CÉLULAS TRONCO: ENTENDA UM POUCO MAIS SOBRE ISSO

(O texto a seguir foi baseado em publicação do site oficial da CNN deste mês)

rinoplastia secundariaUSO DE CÉLULAS TRONCO NA MEDICINA REGENERATIVA

Os laboratórios médicos de hospitais e universidades estão evoluindo rapidamente no estudo de células tronco provenientes de céulas de gordura.

“Após uma infecção ou ferida ou trauma”, segundo Dr. Alt da Dakota do Sul, “vem um apelo para as células-tronco nos vasos sanguíneos, que são silenciosos, e a natureza ativa essas células”.

As células-tronco estão localizadas em todos os nossos corpos, como um exército de reserva que oferece regeneração e reparo. Quando estamos feridos ou doentes, nossas células-tronco se dividem e criam novas células para substituir aqueles que são danificados ou mortos. Dependendo de onde as células estão no corpo, elas se adaptam, tornando-se especializadas como células do sangue, células musculares ou células cerebrais, por exemplo.

Alt foi a primeira pessoa a usar o tecido adiposo, ou a gordura, como principal fonte de células-tronco, de acordo com o Dr. David Pearce, vice-presidente executivo de pesquisa da saúde de Sanford.

“Ele observou que o lugar mais simples para obter algumas células-tronco é realmente da gordura”, disse Pearce. “A maioria de nós poderia dar um pouco de gordura, e essas células-tronco não precisam ser programadas de forma alguma, mas se você colocar o ambiente certo, eles se converterão naturalmente no que o tipo de célula em torno delas”. Numa rinoplastia, por exemplo, talvez no futuro a célula tronco poderá ser utilizada para criar cartilagem nasal perdida ou danificada. Em trauma de crânio com perda óssea, talvez seja possível substituir o osso perdido. Quem sabe o uso pode se extender para a reconstrução de mama?

 

> on August 27, 2010 in Farmington, Connecticut.LIPOASPIRAÇÃO PODE COLETAR CÉLULAS TRONCO

 

O tecido gorduroso tem muitos vasos sanguíneos, tornando-se uma fonte primária de células-tronco, e Alt reconheceu que as células-tronco derivadas do tecido adiposo também são particularmente boas em se tornarem cartilagem e osso.

As células-tronco são retiradas do tecido adiposo com um procedimento de lipoaspiração. Uma mistura de enzimas ajuda a separar as células-tronco do óleo do tecido adiposo, com as células-tronco ficando no fundo do frasco.

A medula óssea é outra fonte de células-tronco e estas facilmente se transformam em células sanguíneas e do sistema imunológico. As células-tronco da gordura têm outro destino.” As células-tronco derivadas de gordura têm uma linhagem diferente em que podem se transformar, que é realmente cartilagem e osso e outros tipos de tecidos conjuntivos”, disse Pearce.

As ressonâncias magnéticas confirmaram em casos em que se utilizou célula gordurosa como fonte de célula tronco para regenerar cartilagem no pulso em paciente que sofreu trauma severo no local. O resultado foi muito animador e como as são do próprio paciente, há pouca ou nenhuma possibilidade de rejeição pelo sistema imunológico do corpo. Se, por exemplo, fosse usado gordura para a parte do lado do nariz durante a rinoplastia, talvez o ultra som poderia informar se a quantidade de gordura/células aplicada foi absorvida ou parcialmente absorvida.

 

especialiasta em rinoplastiaUM PASSADO CONTROVERSO MAS COM FUTURO PROMISSOR NA MEDICINA E CIRURGIA PLÁSTICA

 

Embora o procedimento tenha funcionado para a esse caso de lesão no punho, o uso de células-tronco como forma de tratamento ainda não tem consenso mundial. Nos EUA, existe ainda grande controvérsia porque grande parte das pesquisas e discussão inicial tem sido centrada em células-tronco embrionárias e fetais.

Dr. Nick Boulis é um neurocirurgião com a Universidade Emory em Atlanta. Sua equipe realizou os primeiros ensaios clínicos aprovados pela FDA nos EUA para injetar células-tronco na medula espinhal de pacientes com ALS, mais conhecida como doença de Lou Gehrig, e ele não se surpreende ao ver procedimentos como o da clínica de Alt na Alemanha Tenha sucesso.

Smith também advertiu os pacientes a fazer suas pesquisas, especialmente sobre os tipos de células que estão sendo usadas. “Quando você tem um problema de saúde, e você precisa de uma solução, às vezes você não tem três cinco e sete anos para chegar lá”, disse ela, referenciando a lenta progressão dos regulamentos em lugares como os Estados Unidos.

“Então, realmente, procure por lugares que tenham a aprovação regulamentar do país em que estão. A segurança tem que ser o número um”, disse ela.

“Eu acho que será exponencial”, disse Alt. “Será a mesma coisa (vimos) com a decifração do genoma humano. O conhecimento aumentará exponencialmente, e o custo irá diminuir exponencialmente. Para mim, o mais emocionante é ver como você pode ajudar os pacientes que ficaram desesperados por não haver outra opção, nenhuma esperança e o quão bem eles fazem “.

Enfatizamos que ainda não temos preconizado o uso de células tronco para fins estéticos no Brasil. Aguardamos o parecer do Conselho Federal e Regional de Medicina, assim como da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica. Até o momento, qualquer aplicação é meramente especulativa (no futuro, isso pode mudar e se tornar possível no Brasil). Pensamos com otimismo que a rinoplastia, cirurgia de reconstrução de mama e de outras partes do corpo podem se beneficiar com essa nova modalidade de tratamento médico.

 

(FOTOS MERAMENTE ILUSTRATIVAS; NAO REPRESENTAM PACIENTES REAIS)