NOVO ARTIGO DE PLASTICA INTIMA FEMININA

rinoplastiaLABIOPLASTIA

 

No mes de maio, saiu na Plastic and Reconstructive Surgery Global Open um novo artigo sobre plastica intima feminina chamada Trim Labioplasty. Na verdade, não traz muitas novidades sobre a técnica, apenas alguns detalhes interessantes do ponto de vista técnico.

Podemos observar que, assim como ocorre na rinoplastia e outras cirurgias, a labioplastia não tem apenas uma maneira de se fazer. Existem dezenas de técnicas para milhares de anatomias íntimas femininas. Novamente, o importante é que o seu médico de escolha realize a sua consulta médica com exame físico e escute suas expectativas. Visto isso, as propostas serão expostas pelo profissional.

 

rinoplastia secundariaPLÁSTICA INTIMA FEMININA TRAZ CONFORTO PSICOLÓGICO À MULHER

 

Muitas pacientes que fizeram a plastica intima feminina relatam que isso trouxe mais confiança e auto-estima pois podiam sentir vergonha de um aspecto indesejado da região. É importante saber do que a cirurgia pode ou não trazer de resultado. O médico deve explicar em consulta como será o pós operatório em relação a desconforto, dor, cuidados de higiene, entre outras coisas.

O Dr. Wulkan publicou uma  técnica na plástica íntima juntamente com cirurgiões plásticos americanos no Aesthetic Surgery Journal que é um dos mais respeitados jornais de cirurgia plástica. Com isso, estamos sempre visando um tratamento atualizado e seguro para nossos pacientes. Este artigo, assim como de outros autores, muitas vezes é usado como referencia bibliográfica para quem estudo sobre o assunto. Não se trata de um tratamento definitivo mas sim uma outra possibilidade de abordagem, dentre várias que já são realizadas de rotina em todo o mundo.

 

USO DE LIPOENXERTIA E PREENCHEDORES NA PLASTICA ÍNTIMA

 

Dependendo do caso, quando os grandes lábios estão mais “murchos”, uma opção é realizar a lipoenxertia no local (usualmente feito em hospital ou clinica preparada). Outra opção é o uso de preenchedores (ex: acido hialuronico) que podem manter o resultado por até 10-12 meses; podem ocorrer reabsorção mais acentuada em a;guns casos. Sendo uma cirurgia bem delicada, é importante tirar todas suas duvidas com seu cirurgião plástico membro da SBCP  (www.cirurgiaplastica.org.br)

(IMAGENS MERAMENTE ILUSTRATIVAS; NÃO REPRESENTAM PACIENTES REAIS OU TRATAMENTOS OU TÉCNICA EXCLUSIVA OU PROMESSAS DE RESULTADO; CONVERSE SEMPRE COM SEU MÉDICO DE CONFIANÇA PARA TIRAR DÚVIDAS)